Av. 15 de Novembro, 418
Jaboticabal - SP
atendimento@alinepoliti.com.br
agende uma consulta

blog

Velhice, envelhecer ou ficar velho?

Como você interpreta os novos cabelos brancos que estão aparecendo?
11/09/2017

Aparecer os primeiros cabelos brancos (ou ter poucos pretos), ter a pele um pouco diferente de como se costumava ver no espelho, precisar dar um bom ajuste no grau do óculos, dificuldade em ouvir o que algumas pessoas falam, principalmente aquelas que falam baixo, é um processo natural que caracteriza uma das etapas da vida do ser humano, a velhice.

Na velhice, assim como em todas as etapas da vida, ocorrem mudanças físicas, psicológicas e sociais. A primeira etapa vivida por um indivíduo é da infância para a adolescência e a última é da idade adulta para a velhice. A cada nova etapa da vida, deixamos coisas para trás e conquistamos novas, rearranjamos algumas e multiplicamos outras. Como cada uma dessas etapas será vivida, de modo muito singular a cada indivíduo, inclui-se aqui também o modo como cada um interpretará a chegada da velhice. 

Nesta fase é comum fazer um balanço sobre as coisas que já foram realizadas e aquilo que talvez gostaria de ter realizado, ou ainda, ter feito coisas diferentes das quais fez. Vê-se que foram alcançados muitos objetivos, outros não, que teve muitos ganhos, mas também perdas e um aspecto que mais se destaca nessa etapa da vida, são as alterações físicas e de saúde.
As perdas e o sentido que essas tem para a vida do idoso, o quanto é difícil para ele estar em uma nova configuração e o quanto significavam as coisas que ele fazia são importantes para se entender o que é relevante para ele e até mesmo ajudá-lo a se sentir da mesma forma começando novas coisas e porque não fazer aquelas que gostaria de ter feito e não fez. É claro que o idoso talvez não tenha a mesma flexibilidade e agilidade para fazer determinadas tarefas, mas dentro dos seus limites isso é possível, afinal, qual de nós não temos limitações? 

Não podemos deixar de considerar o pensamento “o que torna uma pessoa velha não é a idade cronológica, mas sim a mentalidade sobre o que é estar ficando velho”.  A idade chegará para todos, porém a forma de encará-la é diferente de um para o outro.  Ser velho ou estar envelhecendo, vai de como o indivíduo interpreta essa nova etapa da vida. Podemos dizer que velho é aquilo que não tem mais utilidade, aquilo que está ultrapassado. Já quando falamos em envelhecimento é aquilo que viu a passagem do tempo e tem uma longa e experiente história a contar.

Portanto você irá interpretar a chegada dos seus cabelos brancos como sinônimo de velho ou como sinônimo de estar envelhecendo? O problema não é a idade que está chegando, mas sim o sentido que se dá a ela. Se você decidir escolher ser velho, as pessoas o verão como tal, mas se você decidir por ser aquele que viu a passagem do tempo, aprendeu, evoluiu e amadureceu, então corre logo contar sua experiente história. 

Ficou com alguma dúvida?
Deixe sua pergunta que respondo já para você: